Onde os bartenders bebem

A gente já foi atrás de descobrir onde alguns dos chefs mais legais da cidade vão comer quando não estão trabalhando (o post ficou tão legal que teve até continuação). Agora, a curiosidade é outra: onde os bartenders bebem? Depois do expediente, depois de misturar algumas dezenas de drinks, será que eles saem pra beber? E nos dias de folga? Quem eles mais respeitam na sua profissão?
Convidamos 5 bartenders, de alguns dos balcões mais premiados e disputados da cidade – Frank, Riviera, Guarita, Espaço Zebra e Buraco – pra contar esse segredo pra gente. Nas respostas, muito bar clássico, alguns lugares novos e muita vontade de terminar de ler e ir correndo tomar um drink. Vamos?

Spencer Amereno (Frank Bar)

600979-970x600-1
Foto: Felipe Gabriel/Projetor/Folhapress

Bar da Brewdog

Além de adorar as cervejas e o conceito da Brewdog, é um ambiente onde posso levar meu filho.
Brewdog Bar. Rua Coropés, 41, Pinheiros

Ramona

Além do jazz ao vivo, um dos melhores burgers vegetarianos que já provei. Vou pra beber cerveja e também levo meu filho.
Ramona. Av. São Luís, 282, República.

Bar do Tuju

Sou fã do trabalho e dos drinks do Maurício Barbosa, chefe de bar lá.
Restaurante Tuju. Rua Fradique Coutinho, 1.248, Vila Madalena

Kennedy Nascimento (Riviera)

kennedy-nascimento_crc3a3c2a9ditos-henrique-peron-9
Foto: Henrique Peron

Frank Bar

Se quero tomar o melhor drink da vida vou no Frank.
Frank Bar. Rua São Carlos do Pinhal, 424 (Maksoud Plaza)

Boca de Ouro

Se quero ir num lugar bom, tranquilo para beber e comer muito bem despretensiosamente, Boca de Ouro.
Bar Boca de Ouro. Rua Cônego Eugênio Leite, 1121, Pinheiros

SubAstor

Se quero o melhor dos dois mundos com drinks complexos, mas ambiente aberto e com boa comida, SubAstor.
SubAstor. Rua Delfina, 163, Vila Madalena

Jean Ponce (Guarita)

SÃO PAULO, SP - 09 OUTUBRO 2013: O barman Jean Ponce e seus coquetéis criados para o bar Riviera. (foto: bruno fernandes/STATUS).
Foto: Bruno Fernandes/STATUS

Jiquitaia

Por eles valorizarem a cachaça, por lá sempre bebo algum drinque autoral.
Jiquitaia Restaurante Bar. Rua Antônio Carlos, 268, Consolação

Frank Bar

Costumo ir por ser um clássico da cidade, tudo feito com excelência. E claro, por ali sempre vou de clássicos como Negroni e Boulevardier.
Frank Bar. Rua São Carlos do Pinhal, 424 (Maksoud Plaza)

Apothek Cocktails & Co.

Gosto do lugar pelo personagem da coquetelaria que é o Ale D’Agostino. Além do cuidado com as receitas, ele é um artista apaixonado pelo ato de ser bartender. Lá gosto de pedir os clássicos também, como Dry e Negroni.
Apothek Cocktails & Co. Oscar Freire, 2221, Pinheiros

Néli Pereira (Espaço Zebra)

19726889_1592524684115653_523890119_o
Foto: Renato Larini

Guilhotina 

Os coquetéis do Marcio Silva são sempre bem-vindos. Gosto particularmente do Isso Não é um Mezcal Negroni e dos drinks feitos com infusões criadas por ele.
Guilhotina Bar. Rua Costa Carvalho, 84, Baixo Pinheiros

Barouche

São coquetéis simples, mas todos bem feitos e com o clima do Arouche. O Arouche Sour já é um clássico.
Barouche. Largo do Arouche nº 103, República

Oak

Bar cheio de conceito do Cateto Pinheiros que tem ótimos drinques de aperitivo, inclusive salgados, e ótimas opções envelhecidas e com bourbon.
Oak Bar. Rua Francisco Leitão, 272, Pinheiros (em cima do Cateto)

Lucas Bocchese (Buraco)

19850586_10155503513532460_2000066441_o

Boca de Ouro

Os drinks são ótimos, executados com perfeição e muito cuidado pelo Arnaldo, e a cozinha vai muito além do famoso bolovo: a variedade de miúdos feitos pelo Alê diariamente é sensacional.
Bar Boca de Ouro. Rua Cônego Eugênio Leite, 1121, Pinheiros

Bar Léo

Clássico do centro e cheio de história, na minha opinião um dos melhores se não o melhor chopp na região. Ótimo cardápio de petiscos, com destaque para o bolinho de carne. Vale conferir o parmegiana também.
Bar Léo. Rua Aurora, 100, Centro

Mandíbula

As noites no Mandíbula são sempre acompanhadas de uma trilha sonora incrível, bons drinks e cerveja a preço justo. Lá eu me sinto em casa, afinal estive atrás daquele balcão alguns anos e fiz muitos amigos.
Mandíbula. Praça Dom José Gaspar, 106, 2º andar, Lj. 40 (Galeria Metrópole), República
Foto de capa: Rubens Kato

Save
Save
Save
Save
Save
Save
Save
Save
Save
Save
Save
Save
Save

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *