Apothek, o menor bar de coquetéis de São Paulo

O Apothek tem sua minúscula porta escondida aos fundos de uma escada. Ao chegar, você não tem certeza se está no lugar certo. Entramos desconfiados pela portinhola. Atrás dela tinham dois pequenos balcões numa área total de 17m2. Mal cabíamos lá dentro e a área exterior estava agitada. Um sofá, família com cachorro, família com criança, descolados. O público era bem democrático. Não tendo lido nada a respeito, apenas tinha a marca na cabeça, mas não tinha certeza de onde vinha.

Ale D'Agostino. Foto: divulgação site Aphotek
Ale D’Agostino. Foto: divulgação site Apothek

O bartender Ale D’Agostino anunciou no início de 2017 sua saída do Spot, após quase dezoito anos de casa, para se dedicar aos coquetéis engarrafados. Foi com ele que nos deparamos logo que nossos drinks chegaram e tentávamos nos acomodar sentados na escada na área externa. Sorridente e simpático como sempre, embalou em uma boa conversa antes de descobrirmos que ele era a pessoa por trás da empreitada. Onde estávamos mesmo nos últimos meses que não sabíamos de nada? Ok, não sou uma grande frequentadora de bares, mas me envergonhei por não saber.

A área externa do Aphotek. Foto: divulgação na fanpage do bar
A área externa do Apothek. Foto: divulgação na fanpage do bar

O próprio Ale nos contou que o bar nasceu despretensioso em abril, e segue sendo. Inicialmente era apenas o QG e laboratório para testar os drinks engarrafados da Apothek Cocktails & Co. Um dia funcionou como bar para um evento da Casa Sinlogo, uma galeria de arte que fica na parte de cima da garagem onde fica o Apothek. Abriu, foi legal, todo mundo gostou, e o Ale viu que poderia ser um jeito bacana de testar seus drinks e reunir os amigos. A notícia se espalhou. Com abertura a princípio somente às quintas, ele começou abrir recentemente às sextas e em breve, às segundas. Mas promete parar por aí. Disse que gosta assim, de clima de festinha em casa, sem tumulto. Se passarem 40 pessoas por lá num dia, a noite está ganha. O atendimento é impecável e descontraído, feito por atendentes sorridentes que ficam o tempo todo indo pra lá e pra cá.

A comanda? Um pedaço de papel com um número e seu nome. A noite segue assim, pedindo drink, esticando na calçada, gente se aglomerando, na confiança. Na hora de ir embora, você pega o papelzinho no bolso e segue pra dentro do bar para pagar sua conta.

A carta conta com drinks clássicos e outros autorais, todos muito bem feitos, como o Ale sempre nos garantiu no balcão do Spot. Até o gelo feito em casa, para se ter uma ideia do cuidado. Os preços variam entre R$ 25 e R$ 35. O negroni, por exemplo, é feito com Genever, vermute, licor de marrasquino, bitter de laranja e casca de laranja. E o pulo do gato é o fato do bar não ter contrato com marcas, o que o permite ter vários rótulos de destilados.

Os drinks engarrafados do Aphotek.
Os drinks engarrafados do Apothek.

Já quem prefere mesmo uma cervejinha, o Apothek tem também algumas opções artesanais, além de algumas poucas opções de petiscos. A melhor parte? Se quiser tomar os drinks em casa, é só fazer o pedido no site, que eles garantem a entrega em três dias. Ou é possível comprar lá mesmo antes de voltar para casa.

Não espere um lugar para sentar e relaxar enquanto toma tranquilamente o seu drink. Por lá o clima é outro e isso é muito bom. Daqueles cantinhos que a gente acha a nossa cara e não quer mais sair.

Apothek Cocktails & Co.
Rua Oscar Freire, 2221, Pinheiros
Tel: 11 94505-9122
Funcionamento: quinta e sexta, das 19 à 1h

*Foto destaque: a fachada do Apothek – divulgação da fanpage do bar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *