Ajuda para a conservação do patrimônio histórico

No último de semana aconteceu em São Paulo a 1ª Jornada do Patrimônio, um evento da Prefeitura com o DPH, para que as pessoas pudessem conhecer e celebrar os bens tombados da cidade, sendo eles públicos ou privados. A iniciativa é muito bacana, e deu muito certo em várias cidades do mundo, então estava mais que na hora de termos algo do tipo por aqui.
Eu estive em dois edifícios que sempre quis conhecer mais nunca tive oportunidade. O Castelinho da Rua Apa, infelizmente, estava fechado no sábado, então fiquei só do lado de fora. Mas não me preocupei, já que foi anunciado recentemente que ele vai começar o processo de restauro.
O segundo foi a casa do arquiteto modernista Vilanova Artigas, no Campo Belo.  Essa foi a casa em que ele e sua mulher moraram desde 1949 (ano da construção), e hoje é habitada pelo seu filho. Sendo assim, não é muito fácil conseguir uma brecha para entrar e ver como ela é por dentro. As visitas eram com horário marcado, e o que surpreendeu os organizadores é que a grande maioria dos visitantes não era formada por arquitetos, e sim por gente do bairro que sempre a viu da rua. Existe no terreno uma outra casa, a Casinha, que funcionou antes como o atelier do arquiteto, esta desocupada agora.
IMG_4845
Nem preciso dizer que a sensação de estar lá dentro é incrível, uma verdadeira aula de arquitetura. Dá para ver pelas fotos. Mas os organizadores fizeram um apelo, que queremos repercutir aqui. Hoje, a casa que é tombada pelo Condephaat, paga um IPTU de quase R$30 mil por ano. Eles estão organizando um abaixo-assinado para pedir que bens tombados, de grande interesse histórico e artístico para a cidade, ganhem o direito de serem isentos desse imposto, que poderia ser revertido em manutenção e conservação das edificações. É um apelo simples e justo, e queremos colaborar. Por isso, quem puder ajudar só preenchendo esse cadastro, já estará fazendo um grande bem à memória da cidade.
IMG_4827 IMG_4849 IMG_4850  IMG_4852

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *